Empresa

Empresa

Oferecemos os melhores e mais confiáveis produtos do mercado. Disponibilizamos suporte especializado para todos os produtos oferecidos, pois atuamos na área de RFID há mais de 10 anos e temos completo domínio tecnológico dos mesmos.

Além de melhorar seus produtos cada vez mais, a RFIDCC também foca suas forças em um atendimento personalizado e ágil para seus clientes.

Utilize os produtos da RFIDCC e seja um integrador com as melhores soluções de RFID.


A Tecnologia

RFID (Identificação por radiofrequência) é uma tecnologia para identificar objetos, animais e pessoas sem a necessidade de contato físico ou visual. Os sistemas de RFID são compostos basicamente por leitores, transponder (cartão ou tag), computador (com SW apropriado) e controladores, se necessários.

Por utilizar a radiofrequência para capturar os dados e não a luz, como no caso do código de barras, a tecnologia de RFID permite que um tag seja lido sem a necessidade de campo visual, por meio de objetos que não bloqueiem a comunicação RF, tais como madeira, plástico, papel etc.

Para essa comunicação, são necessários o transponder ou tag e um leitor com antena, que pode também ser gravador, caso seja necessário escrever ou alterar os dados contidos no transponder.

Ao aproximar um tag do leitor, o campo eletromagnético do leitor alimenta o tag, que inicia a comunicação com o leitor, transmitindo e recebendo dados.

Os tags dividem-se em duas categorias tags passivos, ou simplesmente tags, e tags ativos.

O tag passivo consiste de três partes

  • Chip
  • Antena
  • Encapsulamento

O chip, responsável por estabelecer a comunicação com o leitor, possui uma memória na qual os dados são armazenados. Esses dados da memória são enviados ao leitor quando o chip é ativado pelo campo do leitor.

O tag ativo consiste de 4 partes

  • Circuito
  • Antena
  • Bateria
  • Encapsulamento

No tag ativo, a alimentação fica a cargo de uma bateria, sendo que o campo eletromagnético é usado somente para “acordá-lo”.

Ele é usado quando a distância de leitura é um fator muito importante para o bom funcionamento. Os sistemas com tag ativo podem ser usados em projetos que necessitem de até vários metros de alcance de leitura.

Existem dois tipos básicos de tags

  • Somente-leitura (RO), fornecido com um número único pré-gravado de fábrica em sua memória
  • Tag de leitura/escrita (RW), em que o usuário, com a ajuda de um leitor/gravador, pode armazenar dados em sua memória, cuja capacidade varia de 64 bits a 8 kbits. Os chips mais recentes incorporam um sistema chamado anticolisão, em que é possível a leitura de diversos transponders ao mesmo tempo, sendo que alguns possuem também sistema de acesso por meio de senha e criptografia

As vantagens e desvantagens de gravar ou não informações diretamente no tag dependem de uma avaliação do projeto e da infra-estrutura de administração de informação.

Vantagens que uma solução de RFID pode oferecer

  • Maior segurança
  • Redução de custos operacionais
  • Eliminação de erros humanos
  • Facilidade de operação
  • Aumento na velocidade dos processos
  • Aumento da qualidade pelo controle dos processos
  • Redução de perdas
  • Redução do tempo de inventários